Torneio de Xadrez Raiz reuniu uma galera das “antigas” que fez o Xadrez acontecer em Piraí do Sul


O que começou como uma brincadeira, sugerida pelo atleta Vagner da Silva, virou realidade. Em 2021, em uma conversa via WhatsApp, Vagner comentou que gostaria de participar de um evento “raiz”. Que em seu entendimento era: Um evento com relógio analógico onde ele relembraria o tempo que descia “a lenha” nos relógios pra cair a bendita da seta.

Em 2022, o Clube de Xadrez Professor Hélio Saldanha comemora 25 anos de fundação e incluímos o tal do torneio raiz em nosso calendário! E ele aconteceu neste sábado (14/05/2022) e foi uma ótima oportunidade de rever os amigos de antigamente. O Torneio Raiz reuniu os atletas que participaram das primeiras competições promovidas pelo clube, assim como, as primeiras participações nos Jogos Oficiais do Paraná e dois convidados representando a nova geração, Jackson Bueno da Silva e Mitzi Vedan de Ramos. Coincidência ou não, os dois obtiveram as melhores colocações.

Além dos relógios analógicos, o Torneio Raiz utilizou o SwissPerfect 98 para realizar os emparceiramento, raiz ou não? Foi uma competição muito bacana e que serviu para relembrar ótimas histórias e render boas risadas! O sistema da competição foi o suíço em sete rodadas com tempo de reflexão de 5’x5′.

Destaque para Mitzi Vedan de Ramos, campeã geral (6.0/7.0) e Jackson Bueno da Silva, vice-campeão (5.5/7.0), os dois mostraram que a nova geração é realmente muito forte! Fechando o pódio, o veteraníssimo Maurides Júnior (5.0/7.0).

Classificação Final absoluto (10 melhores):

1. Mitzi Vedan de Ramos; 2. Jackson Bueno da Silva; 3. Maurides Júnior; 4. Douglas Rentz Staron; 5. Jeferson dos Santos Fonseca; 6. Sérgio Busquete; 7. Luiz Fernando Lemes Ferreira; 8. Eder Lucian Felippe; 9. Vagner da Silva e 10. Maricelso Ribeiro.

Classificação Final Feminino:

1. Rafaele Ferreira Silva; 2. Karoline Campos Teixeira e 3. Fabiana Rodrigues França.

Confira a classificação geral do Torneio de Xadrez Raiz.

Para a Secretaria de Esportes, Cinara Gomes de Souza, “foi um evento show, onde todos puderam lembrar grandes histórias do nosso esporte e eu também tive a chance de conhecer essa galera que ajudou a construir a Família Xadrez Piraí”.


Categorias: cultura, Esporte,