UBS Dr. Lalá promoveu encontro de gestantes motivado pela semana da amamentação


Estiveram presentes 12 gestantes no momento e foram abordados assuntos como os benefícios, a pega certa e fases da mamada, entre outros.

A Unidade Básica de Saúde, Dr. Lalá, organizou o Primeiro Encontro de Gestantes da UBS que foi motivado pela Semana Mundial da Amamentação, que aconteceu entre os dias 1º de agosto até o dia 07. O encontro teve a presença de gestantes em todas as idades gestacionais e puérperas.

Foram discutidos assuntos muito importantes como o leite materno e os benefícios para a mãe e o bebê, como amamentar, a pega certa e as dificuldades da amamentação como as fissuras, as diferenças do leite foram apresentadas e as fases da mamada também.

A nutricionista da saúde, Kiara Bevilaqua, falou sobre a parte nutricional do leite, a enfermeira responsável pela Unidade, Jessica Moura da Silva, falou sobre a amamentação e como amamentar, e o médico da UBS, Guilherme Morais Ratin, falou dos benefícios para as mães, que muitas vezes são esquecidos.

De acordo com a enfermeira, o encontro foi muito bacana e produtivo e que, existe a vontade de promover mais como este. Jessica também falou sobre a preocupação da taxa de amamentação exclusiva ser muito baixa no Brasil. “Temos o objetivo de elevar essa taxa porque é importante o aleitamento materno exclusivo por, pelo menos, até os seis meses do bebê. Isso reduz complicações para as crianças, o risco de comorbidades na vida adulta como diabetes, pressão alta, obesidade. Diminui também as chances do câncer de mama e útero, e a perda de peso é mais rápida. Além de ser custo zero, é mais barato o aleitamento”, disse.

“É importante para a recuperação no pós-parto para a mãe. Abordamos muito o custo, para uma família é muito impactante o custo de abrir mão do leite materno, então, além de ser o melhor é o mais barato. Mostramos para elas que também entendemos as dificuldades e que estamos sempre disponíveis nos momentos mais difíceis para auxiliá-las”, disse a nutricionista Kiara.

Existem muitos mitos envolvendo a amamentação, mas as soluções são simples, como em momentos de fissura o correto é passar o próprio leite materno e banho de sol, que segundo a enfermeira, em poucos dias está resolvido.

“É importante encontros assim para explicar a importância da amamentação, tanto para o bebê quanto para a mãe, e para fortalecer o vínculo mãe e filho.”, finalizou o doutor Guilherme.


Categorias: Saúde,