Professores Municipais participam do Programa Cooper Jovem


Participam do programa 18 professoras de 11 escolas do município. No momento foram trabalhados temas como a cooperação em sala de aula, autoestima e autoconfiança.

Um grupo de professores da rede municipal de ensino de Piraí do Sul participou na última sexta-feira de um encontro promovido pelo Cooper Jovem, programa que a Prefeitura Municipal desenvolve em parceria com a Castrolanda e Sescoop, durante todo o dia o tema cooperatividade foi trabalhado através de jogos e brincadeiras.

Ao todo, tinham 18 professoras de 11 escolas municipais. A oficina serviu para dar continuidade e assessoria do Programa aos professores, tratando de assuntos como cooperação em sala de aula e diferença de competição e cooperação. As atividades propostas faziam com que elas pensassem e agissem em cooperação.

Segundo a Instrutora do Programa Cooper Jovem, Maria Inez Bento, é de suma importância que esse assunto seja trabalhado com as professoras para que isso seja refletido em sala de aula, e para que também chegue até a comunidade, fazendo dela mais cooperativa.

Maria Inez explicou com um pouco mais de detalhes como essa oficina é apresentada aos professores. “Buscamos fortalecer o trabalho do professor através da cooperação, através do jogo cooperativo, que é uma ferramenta de trabalho. Durante todo o dia elas vão desenvolvendo a autoestima, autoconfiança, o relacionamento com as pessoas, a enfrentar as dificuldades e a conviver melhor, tudo isso para que o resultado nas salas de aula e com as famílias atendidas sejam positivos”, disse.

De acordo com Maria Inez, existe um monitoramento ao programa através de projetos. As escolas parceiras do programa idealizam um projeto no início do programa, com planejamento de atividades cooperativas e as desenvolvem na escola. Enquanto isso, o pessoal do Cooper Jovem passa nas instituições fazendo o monitoramento das atividades, analisando como estão sendo realizados e avaliando as dificuldades. Além disso, acontecem três oficinas no ano para encontrar os professores e assessorá-los.

“O Programa Cooper Jovem é bastante importante para a comunidade e para o crescimento do professor e do aluno. É importante entender que a cooperação faz diferença e que com ela podemos ir mais longe, portanto, o dia de hoje é bastante reflexivo para que possamos entender qual a melhor jogada, como podemos desenvolver nossa vida diante da competição e da cooperação.”, finalizou Maria.

Segundo a Secretária Municipal de Educação, Geanine da Silva Milléo, o Cooper Jovem é muito estimulante porque incentiva os professores e esclarece quanto ao cooperativismo. “É de suma importância esse projeto. Desde que assumi a secretaria já é a segunda vez que está acontecendo e pretendemos dar continuidade a ele, para que todos os nossos professores tenham acesso ao programa.”, disse.

De acordo com a secretária, de tempo em tempo trocam os grupos de professores que fazem parte do programa, assim todos tem a chance de participar.

Quando as horas de oficinas em grupo e as atividades em sala de aula são completadas, o grupo volta e apresenta suas atividades e como trabalharam o cooperativismo em sala de aula e os seus resultados. “Então, existe sim o retorno desse curso e dessa forma conseguimos identificar os resultados e verificar como a escola se envolveu e desenvolveu o cooperativismo”, disse Geanine.

Aproveitando o momento e a presença da Secretária de Educação, a Castrolanda convidou a educação municipal de Piraí do Sul para prestigiar a abertura da 19º edição da Agroleite de 2019, no dia 13 de agosto.

Sobre o Programa – O Cooperjovem é um programa da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), desenvolvido em âmbito nacional pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop) desde 2000. Em 2001, o programa foi implantado pelo Sescoop/SP, que assumiu sua coordenação em âmbito estadual em parceria com as Cooperativas e Secretarias de Educação.

 


Categorias: Educação,